“Porque a nossa leve e momentânea tribulação produz para nós eterno peso de glória, acima de toda comparação […] porque as que se veem são temporais, e as que se não veem são eternas” (2 Coríntios 4:17-18).