sábado, 11 de julho de 2015

Jesus o único que tem o poder para transformar vidas

Quem creu naquilo que nós anunciamos? A quem foi revelado o poder do SENHOR?
Aos olhos de Deus ele era um pequeno ramo, brotando de uma raiz em terra seca. Mas para nós ele não tinha beleza alguma; não havia nada em sua aparência que chamasse a nossa atenção ou que nos agradasse.
Ele foi desprezado e rejeitado por todos; ele era um homem que conhecia, por experiência, a dor e o sofrimento. Era como alguém que não queremos ver; ele foi desprezado, e não demos a menor importância a ele.
Apesar disso, ele tomou sobre si as nossas enfermidades, ele mesmo carregou nosso sofrimento. E nós achávamos que ele estava sendo castigado por Deus, que Deus o estava ferindo e afligindo!
A verdade, porém, é esta: Ele foi ferido por causa de nossos pecados; seu corpo foi esmagado por causa das nossas maldades. O castigo que nos trouxe paz estava sobre ele, e pelos seus ferimentos nós fomos sarados!
Todos nós andávamos perdidos e espalhados como ovelhas! Cada um de nós seguia o seu próprio caminho; apesar disso o SENHOR fez cair sobre ele a maldade de cada um de nós.
Ele foi maltratado e humilhado, mas não disse uma única palavra! Foi levado como um cordeiro vai para o matadouro; como a ovelha fica muda diante de quem corta a sua lã, ele não abriu a boca.
Foi condenado num julgamento injusto e mentiroso. E quem pode falar dos seus descendentes? Pois ele foi cortado da terra dos viventes; por causa dos pecados do meu povo, ele foi castigado!
Morreu como um criminoso e foi enterrado junto com os ricos, embora não tivesse cometido nenhuma injustiça ou tivesse dito uma só mentira.
Apesar disso, o plano perfeito do SENHOR exigia sua morte e seu sofrimento. Mas depois de dar a sua vida como oferta pelo pecado, ele verá a sua posteridade e terá vida longa; e a vontade do SENHOR prosperará em suas mãos.
E quando ele puder ver o resultado do seu terrível sofrimento, verá a luz e ficará satisfeito. Através de tudo o que passou, o meu servo, o justo, fará que muitos se tornem justos diante de mim, porque ele mesmo levará sobre si os pecados deles.
Por isso, eu darei a ele grandes honras, e ele dividirá os despojos com os fortes, porque ele entregou sua vida à morte. Foi considerado um pecador; pois levou sobre si os pecados de muitos e orou em favor dos pecadores.
(Isaías, 53)